(14-06-2019)115-2019

14/06/2019 13:47
Dispõe de chamada de divulgação de inscrições para Detecção Nacional de Talentos Olímpicos e Paralímpicos 2019
 
A Liderança de Seleções, no uso das atribuições que lhe foram conferidas pela Confederação Brasileira de Tênis de Mesa – CBTM, de acordo com o disposto no Estatuto desta Entidade, Art. 4º, alínea “g” e validação da Gerência Técnica, informa que estão abertas as inscrições para a Detecção Nacional de Talentos Olímpicos e Paralímpicos.
 
A ação com os atletas selecionados será realizada de 14 a 20 de julho de 2019, no Centro Paralímpico Brasileiro (Rodovia dos Imigrantes, km 11,5, Vila Guarani, São Paulo-SP). A coordenação e orientação da Detecção serão feitas pelo Consultor Técnico Ricardo faria e pelos técnicos Alexandre Ghizi, Andrews Martins, Jorge Fanck e Lincon Yasuda.
 
Para inscrição nesta Detecção, os atletas PARALÍMPICOS deverão se enquadrar nos quesitos mínimos descritos abaixo:
 
· Nascidos a partir de 01/01/1996;
 
· Tenham algum tipo de deficiência física elegível para a prática do tênis de mesa (Clique aqui para acessar o Manual de Classificação Funcional em português), ou deficiência intelectual (registrado na ABDEM).
 
Para os atletas OLÍMPICOS, seguem os critérios abaixo:
 
1) Atletas nascidos nos anos 2008/2009/2010/2011/2012 (idades entre 07 e 11 anos).
 
2) Atletas que obtiveram grande destaque na Detecção Nacional de Talentos em 2017 e ainda estão com idade para serem detectados;
 
3) atletas que representaram o Brasil no Sul-americano/2019 na categoria Sub-11 com participação destacada.
 
A inscrição será feita por meio do preenchimento do formulário a seguir, que contém espaço pra informações de dados pessoais, técnicos e espaço para upload de vídeos do atleta praticando tênis de mesa.
 
 
 
O prazo final para inscrições será dia 23 de junho. A lista final com os selecionados será publicada em Nota Oficial até o dia 25 de junho.
 
Importante: cada Federação Estadual deverá indicar um técnico responsável que acompanhará os atletas (olímpicos e paralímpicos) do seu estado na Detecção
 
Nacional. Este técnico receberá gratuitamente um pacote de hospedagem e alimentação no residencial do CT Paralímpico. Além dos técnicos indicados pelas federações, os técnicos que treinam os atletas em seus clubes também poderão participar do treinamento, mas não terão direito a hospedagem e alimentação. As federações deverão encaminhar os técnicos indicados para Paula (paula@cbtm.org.br), Lincon (lincon@cbtm.org.br) e Raphael (raphael@cbtm.org.br) até 5 dias após a divulgação da lista de selecionados para o treinamento.
 
DESTACAMOS A IMPORTÂNCIA DA PARTICIPAÇÃO DO TÉCNICO DO ATLETA PARA ACOMPANHAR E PARTICIPAR DAS ATIVIDADES REALIZADAS DURANTE A DETECÇÃO NACIONAL DE TALENTOS.
 
Os selecionados terão de arcar com despesas de transporte (aéreo ou rodoviário), além da chegada até o CT Paralímpico. Todos os interessados deverão trazer suas próprias raquetes e uniformes.
 
A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paraolímpico Brasileiro) – Ministério da Cidadania - Secretaria Especial do Esporte.