Aberto Paralímpico de Bayreuth: Primeiro dia de competição termina com classificação de sete brasileiros

14/06/2017 16:17

Bruna Alexandre, Danielle Rauen, Israel Stroh, Diego Moreira, Catia Oliveira, Joyce Oliveira e Claudio Massad avançaram na competição

Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) - 16/06/2017

Foto: Site oficial Mundial de Tênis de Mesa 2017

O primeiro dia de competições do Aberto de Bayreuth, na Alemanha, foi muito positivo para os brasileiros. Dos 11 atletas da delegação verde e amarela, sete continuam na briga por medalha: Catia Oliveira, Joyce Oliveira, Danielle Rauen, Bruna Alexandre, Diego Moreira, Israel Stroh e Claudio Massad.
 
Iranildo Espíndola, Guilherme Costa, Paulo Salmin e Jenyfer Parinos acabaram não conseguindo passar pela fase de grupos e deram adeus ao torneio individual.
 
Nas quartas de final da Classe 1-2 feminina, Catia Oliveira vai encarar a francesa Genevieve Clot, nesta quinta-feira (15), às 6h30 (de Brasília), enquanto Joyce Oliveira terá pela frente Andreja Dolinar, da Eslovênia, pelas quartas da Classe 4 feminina, às 5h30.
 
Pela semifinal Classe 9, Danielle Rauen vai duelar com a turca Neslihan Kavas, às 5h30, já Bruna Alexandre, nas quartas de final da Classe 10, vai enfrentar a croata Mirjana Lucic, às 4h.
 
Israel Stroh pegou 'bye' nas oitavas de final e foi diretamente para as quartas, quando terá pela frente o japonês Kazuya Kaneko, às 4h30. Diego Moreira, por sua vez, vai encarar o belga Laurens Devos, nas quartas da Classe 9. Nas oitavas, dele bateu David Pulpan, da República Tcheca, por  3 sets a 0 (11/3; 11/3 e 11/9). Nas quartas da Classe 10, Claudio Massad vai enfrentar o austríaco Krisztian Gardos, às 5h.
 
Os resultados individuais do primeiro dia do Aberto de Bayreuth podem ser conferidos neste link.
 
Grupos definidos para o torneio de equipes
 
Atual campeão mundial, a equipe formada por Bruna Alexandre, Danielle Rauen e Jennyfer Parinos está no Grupo A da Classe 8-10, ao lado de Rússia, Alemanha e Japão 2. A estreia acontece nesta quinta-feira, contra a Alemanha, às 10h30 (de Brasília).
 
Joyce Oliveira e Catia Oliveira, na Classe 4-5, estão no Grupo A, onde também se encontra os times Coreia do Sul/Hong Kong, Grã-Bretanha/Rússia e Austria/Turquia. Na Classe 2 masculina, Iranildo Espíndola e Guilherme Costa caíram no Grupo C, ao lado da República Tcheca e Eslovênia/Croácia, enquanto na Classe 7, Israel Stroh e Paulo Salmin estão no Grupo A, com Ucrânia, Japão 2 e Egito/Nigéria.
 
Diego Moreira fará parceria com o hungaro Barnabas Retter, na Classe 9, e está no Grupo A, com Itália, Polônia e Japão 2. Claudio Massad, por sua vez, atuará ao lado do polonês Igor Misztal e está no Grupo B, com Rússia, Estados Unidos e Dinamarca/Irlanda.
 
A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) – Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal – Ministério do Esporte.
 

Siga a CBTM nas redes sociais:

FACEBOOK: www.facebook.com/cbtenisdemesa
TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm
INSTAGRAM: @cbtenisdemesa

iDigo | Assessoria de comunicação CBTM
imprensa@cbtm.org.br