Atleta do Palmeiras também é técnico da ACEL Londrina

17/05/2012 17:47

No futebol, o termo jogador-treinador faz referência a alguém que comanda um time, mas que também desempenha funções de atleta. Esta situação ocorre quando o Presidente de um clube não encontra um treinador capaz de exercer a função, então escolhe um jogador mais experiente para comandar a equipe.

Se o atleta consegue bons resultados, a diretoria pode efetivá-lo como jogador e treinador ao mesmo tempo. No Tênis de Mesa a história não é muito diferente. Na Copa Brasil Concórdia, que começou nessa quinta-feira no Centro de Eventos da cidade catarinense, Jiro Kumagai exerce dupla função em dois clubes diferentes.

Quando não está na mesa defendendo o Palmeiras/Asa São Bernardo, troca de uniforme para comandar os atletas da Acel Londrina.

--- Muitas vezes não há nem tempo para trocar de roupa --- afirma.

--- As duas situações são complicadas, mas ser treinador é bem mais complicado. Quando você está jogando sabe o que fazer e que decisão tomar --- explicou Jiro, que ajudou a comandar as Seleções Infantil e Juvenil no Campeonato Sul-Americano, realizado na Argentina, e teve participação decisiva na conquista dos brasileiros.

--- É muito gratificante quando os resultados aparecem. É uma sensação incrível quando um atleta que você ajudou a formar conquista um título. Isso não tem preço --- garantiu Jiro, que se inspirou no amigo Hugo Hoyama, que está investindo na carreira de Gui Lin, atleta que se naturalizou recentemente e tem chances de ir a Londres disputar o Torneio de Equipes.