Atletas passam por reavaliação e Classificação Funcional em Maceió

08/07/2012 11:35

Os participantes da etapa do Circuito Copa Brasil realizada no ginásio do colégio Santa Úrsula, em Maceió, contaram com o apoio do Fisioterapeuta Luis Gustavo Amorim, que também é Classificador Funcional e aproveitou a oportunidade para reavaliar mais de 40 atletas Paralímpicos.

--- Fizemos atualização das Classes e fechamos algumas classificações feitas a distância. Nesses dois dias de evento Paralímpico fizemos dezenas de reavaliações. Ainda não está confirmado, mas pretendemos dar sequência em Maringá, pois a maioria dos atletas que estão em Maceió é da região nordeste --- explicou.

Entre os jogadores que passaram pela Classificação Funcional pela primeira vez, Luis Gustavo Amorim destacou Guilherme Rocha, que mora em Iguape, no interior de São Paulo e defende o Jundiaí. Depois de examinado, a jovem promessa ficou na Classe 5, a mesma que Claudiomirro Segatto

---- Trata-se de um rapaz de apenas 15 anos que foi descoberto em uma Paralimpíadas Escolar e tem tudo para se tornar um dos grandes nomes da categoria, pois mostrou potencial e talento para isso --- afirmou Luis Gustavo, que acompanhará a delegação brasileira nas Paralimpíadas de Londres.