Brasil conquista mais duas medalhas de ouro nos torneios de duplas do Sul-Americano Infantil e Juvenil

17/03/2019 22:13

Títulos vieram no infantil, em duplas mistas e femininas. Brasileiros faturaram mais duas medalhas de prata e duas de bronze

FOTO: Giulia Takahashi e Laura Watanabe conquistaram o ouro de duplas femininas. Crédito: ITTF.

 

Santiago (CHI), 17 de março de 2019.

Por: Assessoria de Comunicação – CBTM

No penúltimo dia do Sul-Americano Infantil e Juvenil em Santiago, no Chile, mais duas medalhas de ouro para o Brasil nos torneios de duplas, encerrados neste domingo (17). Ambas as conquistas aconteceram na categoria infantil. A primeira no feminino, com Giulia Takahashi e Laura Watanabe, e a segunda nas duplas mistas, com Giulia Takahashi e Joon Shim.

A primeira medalha veio com a vitória de Giulia e Laura contra as equatorianas Maria Borja e Alisson Loor, por 3 a 1 (11/6, 6/11, 11/8 e 11/7), na decisão do torneio. Pouco antes, as brasileiras derrotaram as peruanas Ana Aragón e Maria Maldonado na semifinal, por 3 a 0 (11/9, 11/9 e 11/6).

Logo depois, Giulia participaria de outra conquista, ao lado de Joon Shim. Três vitórias consecutivas até a decisão, quando a parceria brasileira bateu a dupla formada pelos peruanos Carlos Fernandez e Maria Maldonado, por 3 a 2 (12/10, 11/13, 9/11, 11/7 e 11/9).

O Brasil conquistou mais duas medalhas de prata nos torneios de duplas. No infantil masculino, Joon Shim e Henrique Noguti foram derrotados na final pelos peruanos Carlos Fernandez e Adrian Rubiños, por 3 a 0 (7/11, 7/11 e 10/12). No juvenil feminino, Tamyres Fukase e Lívia Lima perderam a decisão para as chilenas Valentina Rios e Jerusalen Flores, por 3 a 2 (11/3, 6/11, 10/12, 12/10 e 8/11).

Os dois bronzes vieram nas duplas mistas. Henrique Noguti e Laura Watanabe caíram na semifinal infantil para a dupla peruana Carlos Fernandez e Maria Maldonado, por 3 a 1 (11/3, 4/11, 9/11 e 14/16). Os algozes de Guilherme Teodoro e Lívia Lima, na semifinal da categoria juvenil, também foram peruanos: Adolfo Cucho e Alessandra Cisneros, que venceram por 3 a 2 (11/8, 8/11, 11/9, 3/11 e 8/11).

O último dia de Sul-Americano será marcado pelas finais individuais e o Brasil tem ótimas chances de colecionar muitas medalhas. Dos 32 classificados para as quartas de finais, 11 são brasileiros: Giulia Takahashi e Laura Watanabe (infantil feminino); Gustavo Gerstmann, Henrique Noguti, Joon Shim e Luigi Yamane (infantil masculino); Lívia Lima (juvenil feminino); e, Diogo Silva, Guilherme Teodoro, Lauro Sebold e Rafael Torino (juvenil masculino).

 

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) - Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal - Ministério do Esporte.
 

FATO&AÇÃO COMUNICAÇÃO

Assessoria de Comunicação da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa - CBTM

Claudia Mendes – claudia@fatoeacao.com

Nelson Ayres – nelson@fatoeacao.com

imprensa@cbtm.org.br

fatoeacaocomunicacao@gmail.com

                                                         

Siga a CBTM nas redes sociais:
 
FACEBOOK:
 www.facebook.com/cbtenisdemesa

TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm

INSTAGRAM: @cbtenisdemesa