Brasil fecha a Copa Tango Paralímpica com mais sete medalhas nos torneios de equipes

24/11/2019 23:21

Cadeirantes conquistaram três pratas e andantes trouxeram mais quatro bronzes; Ao todo, foram 19 medalhas na competição

FOTO DE ARQUIVO: Thais Severo conquistou um ouro e uma prata. Crédito: Alê Cabral/CPB.

 

Buenos Aires (ARG), 24 de novembro de 2019.

Por: Assessoria de Imprensa – CBTM

No último dia da Copa Tango Paralímpica, nada menos do que 16 brasileiros puderam subir ao pódio. Neste domingo (24), em Buenos Aires, capital da Argentina, sete times do país conquistaram medalhas nos torneios de equipes, sendo três pratas e quatro bronzes.

Somando as medalhas dos torneios individuais, encerrados no sábado, foram 19 medalhas na Argentina: dois ouros, sete pratas e dez bronzes. Os resultados também devem ter reflexo na próxima atualização do ranking mundial paralímpico.

Thais Severo, que venceu o torneio individual das classes 2-5, desta vez ficou com a prata, jogando com Carla Maia. As brasileiras ficaram em segundo lugar no grupo único, com duas vitórias e uma derrota.

Os homens foram os responsáveis pelas outras duas pratas. Na disputa das classes 1-2, Aloisio Lima, Lacordaire Segundo e Ronaldo de Souza passaram invictos até a decisão do título, quando caíram para o time formado pelo chileno Luis Bustamante Flores e o cubano Yunier Izquierdo. Na classe 3, Fabio Silva e Jean Carlos Padilha caíram na decisão para outro time misto, formado pelo venezuelano Roberto Orozco e o uruguaio Gonzalo Acosta.

Se as três pratas vieram de equipes de cadeirantes, os quatro bronzes foram de andantes, todos masculinos. No torneio das classes 6-7, foram dois: Kaike Medina e Goutier Rodrigues perderam uma semifinal para a equipe chilena, com Ignacio Orostica, Osvaldo Navarrete e Luis Hernandez, enquanto Gilberto Onofre e Paulo Henrique Fonseca caíram na outra semifinal, para os japoneses Kazuya Kaneko, Kosuke Hemmi e Hiromoto Kita, que acabaram sendo campeões.

Na classe 8, mais um bronze, com Gabriel Takeshi e Renato Saletti ficando em terceiro lugar no grupo único da disputa. Nas classes 9-10, Claudio Massad, campeão do torneio individual, teve a companhia de Alexandre Alfon e Guilherme Ifanger. Os brasileiros foram derrotados na semifinal pelos chilenos Manuel Echaveguren e Cristian Cappillo.

 

FATO&AÇÃO COMUNICAÇÃO

Assessoria de Imprensa da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa - CBTM

Claudia Mendes - claudia@fatoeacao.com
Nelson Ayres – nelson@fatoeacao.com

imprensa@cbtm.org.br
fatoeacaocomunicacao@gmail.com

 

Siga a CBTM nas redes sociais:

FACEBOOK: www.facebook.com/cbtenisdemesa

TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm

INSTAGRAM: @cbtenisdemesa