Brasil garante mais três medalhas no Aberto Paralímpico da Eslováquia

05/05/2018 16:06

Semifinais e finais serão disputadas neste domingo. Apenas uma das quatro equipes brasileiras não garantiu pódio na etapa de Bratislava

Crédito da Foto: Divulgação/CBTM.

 

Rio de Janeiro (RJ), 05 de maio de 2018.
Por: Assessoria de Imprensa – CBTM

A Seleção Brasileira fez bonito no penúltimo dia de competições do Aberto Paralímpico da Eslováquia, em Bratislava. Três das quatro equipes brasileiras garantiram presença no pódio. A definição dos campeões acontece neste domingo (6/5).

Na classe 2 masculina, Guilherme Costa e Iranildo Espíndola garantiram vaga na semifinal ao saírem em primeiro lugar do grupo, após baterem as equipes da Eslováquia e da Sérvia. Na semifinal, às 5h45 (de Brasília), enfrentam o time formado pelo sul-coreano Jin Cheol Park e pelo mexicano Victor Eduardo Reyes.

“Jogamos muito bem taticamente e estamos com um bom volume de jogo. O nível da competição está altíssimo. Acho que eu mesmo fui uma das surpresas desse campeonato, pois consegui bater dois top-10 mundiais, coisa que eu nunca tinha feito. Nosso foco é a Paralimpíada de 2020. A gente sempre pode melhorar. Já melhoramos em alguns pontos, com alguns saques novos. Vamos continuar ajustando para brigarmos por medalhas”, avaliou Guilherme Costa.

O panorama foi o mesmo na classe 7 masculina. Israel Stroh e Paulo Salmin venceram equipes da Eslováquia e Hong Kong na primeira fase e superaram outra dupla de Hong Kong nas quartas de final. Na semifinal, encaram os japoneses Masachika Inoue e Kosuke Hemmi, às 4h30.

Já na classe 10 feminina, com poucos mesa-tenistas inscritos, a disputa foi em grupo único. Bruna Alexandre, Danille Rauen e Jennyfer Parinos venceram as equipes da Ucrânia e Japão. A equipe turca, formada Merve Demir, Ümran Ertis e Hilal Turkkan, também venceu os dois adversários e enfrenta as brasileiras, às 5h45, na definição da medalha de ouro.

O único revés brasileiro neste sábado ocorreu na disputa por equipes das classes 9-10 masculina, onde Diego Moreira e Lucas Carvalho não conseguiram classificação.


A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) - Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal - Ministério do Esporte.

 

FATO&AÇÃO COMUNICAÇÃO

Assessoria de Comunicação da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa - CBTM

Claudia Mendes - claudia@fatoeacao.com
Marcio Menezes – marcio@fatoeacao.com

imprensa@cbtm.org.br
fatoeacaocomunicacao@gmail.com

 

Siga a CBTM nas redes sociais:

FACEBOOK: www.facebook.com/cbtenisdemesa

TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm

INSTAGRAM: @cbtenisdemesa