Brasileiros estreiam bem nos Jogos e decidem classificação nesta segunda-feira

07/10/2018 18:12

Bruna Takahashi e Guilherme Teodoro dependem de suas próprias forças para garantirem a vaga nas oitavas de final do torneio

IMAGEM: Bruna Takahashi em ação. Crédito: Reprodução vídeo/Site oficial dos Jogos Olímpicos da Juventude.

 

Buenos Aires (ARG), 07 de outubro de 2018.

Por: Assessoria de Comunicação – CBTM

Os mesa-tenistas brasileiros tiveram boas estreias nos Jogos Olímpicos da Juventude. Neste domingo (7), no Parque Tecnópolis, em Buenos Aires (ARG), Bruna Takahashi e Guilherme Teodoro iniciaram as suas participações com vitórias e dependem apenas de seus próprios resultados para chegarem nas oitavas de final. Teodoro já jogou sua segunda partida, contra o japonês Tomokazu Harimoto, número oito do ranking mundial adulto, onde acabou derrotado, o que não deve o atrapalhar na busca pela classificação.

No primeiro jogo do dia, Teodoro não teve dificuldades contra o belizenho Horit Pagarani. Conquistou uma fácil vitória por 4 a 0 (11/4, 11/3, 11/3 e 11/3), sem ser ameaçado em momento algum do confronto.

Horas depois, o esperado duelo contra Tomokazu Harimoto. A derrota de Teodoro por 4 a 0 (4/11, 7/11, 7/11 e 7/11), de certa forma esperada, não afeta na briga por uma classificação para as oitavas de final, pois o adversário na briga pela segunda vaga do grupo A, o australiano Benjamim Gould, também foi derrotado pelo japonês, por 4 a 0 (4/11, 3/11, 1/11 e 5/11). A partida da terceira rodada acontece nesta segunda-feira, às 13h (horário local e de Brasília).

“Acredito que o que eu podia fazer contra ele, consegui jogar. Ainda tem mais um jogo amanhã. É foco total, para passar de fase”, disse Teodoro, após a partida contra Harimoto.

Bruna Takahashi foi outra que estreou sem dificuldades. Absoluta na mesa, bateu a neozelandesa Hui Ling Vong, por 4 a 0 (11/5, 11/6, 11/5 e 11/3). Nesta segunda-feira, ela joga duas vezes pelo grupo G. Pela segunda rodada, às 11h30, enfrenta a polonesa Anna Janina Wegrzyn, sua principal adversária no grupo. Depois, às 19h, terá pela frente a fijiana Grace Rosi Yee.

 

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) - Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal - Ministério do Esporte.
 

FATO&AÇÃO COMUNICAÇÃO

Assessoria de Comunicação da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa - CBTM

Claudia Mendes – claudia@fatoeacao.com

Nelson Ayres – nelson@fatoeacao.com

imprensa@cbtm.org.br

fatoeacaocomunicacao@gmail.com

                                                         

Siga a CBTM nas redes sociais:
 
FACEBOOK:
 www.facebook.com/cbtenisdemesa

TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm

INSTAGRAM: @cbtenisdemesa