Calderano vence jogo intenso contra sul-coreano e já está nas quartas do Aberto da Áustria

15/11/2019 11:46

Brasileiro mostrou ótimo nível nas oitavas e já repete resultado de 2018; Vaga para a semifinal será disputada no sábado

FOTO: Hugo Calderano superou mais um na Áustria. Crédito: ITTF.


 

Linz (AUT), 15 de novembro de 2019.

Por: Assessoria de Imprensa – CBTM

O brasileiro Hugo Calderano está classificado para as quartas de final do Aberto da Áustria, competição nível platinum do Circuito Mundial de Tênis de Mesa. Nesta sexta-feira (15), em Linz, ele superou o sul-coreano Jeoung Youngsik, por 4 a 1 (11/9, 11/2, 8/11, 18/16 e 11/7), pelas oitavas de final do torneio.

Com o resultado, o sexto melhor jogador do mundo já repete o desempenho de 2018, quando também chegou nas quartas de final. Neste sábado, às 12h50 (de Brasília), ele encara o japonês Koki Niwa, 11° colocado no ranking mundial. A partida tem transmissão ao vivo da ITTF TV.

E, quem pensa que foi fácil para o brasileiro observando o placar final, se engana redondamente. Calderano só teve facilidades no segundo set, quando foi arrasador e venceu por 11 a 2. O confronto durou mais de uma hora e teve um total de 56min59s de partida efetiva, descontando as pausas de tempos.

Na primeira parcial, Calderano assumiu o controle do jogo, com pontos curtos, e conseguiu uma apertada vitória, por 11 a 9. No segundo set, já com o tempo do de bola ajustado, foi praticamente perfeito, não deixando brechas para o adversário.

Youngsik mostrou-se um rival duro de ser batido a partir do terceiro set, quando melhorou a recepção e venceu por 11 a 8. Na quarta parcial, seguiu dificultando a vida do brasileiro, alongando os ralis e afastando Calderano da mesa.

Com 10 a 9 no placar, o sul-coreano teve a chance de fechar o set. E, a partir de então, um jogo de concentração máxima, com os atletas buscando não errar no momento decisivo. Calderano conseguiu salvar três set points consecutivos, Youngsik mais dois, e assim se revezaram, até a definição da parcial, quase 20 minutos depois do início.

A vitória após um set tão longo e disputado serviu para fortalecer Calderano, que retomou o controle do jogo no quinto set. Assim, fechou a partida com mais tranquilidade: 11 a 7.

“Essa vitória foi muito boa. O Jeoung Youngsik está jogando o melhor dele há seis meses. O nível do Hugo foi muito bom, a intensidade nos momentos chaves da partida foi muito alta. No início da partida, ele dominou bastante, conseguindo sempre fechar o jogo curto. Passo a passo, o confronto foi mais aberto e mais equilibrado. Mas, o Hugo está com boas condições técnicas e físicas, e conseguiu impor, mais uma vez, o jogo dele”, analisou o técnico Jean-René Mounie.

 

FATO&AÇÃO COMUNICAÇÃO

Assessoria de Imprensa da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa - CBTM

Claudia Mendes - claudia@fatoeacao.com
Nelson Ayres – nelson@fatoeacao.com

imprensa@cbtm.org.br
fatoeacaocomunicacao@gmail.com

 

Siga a CBTM nas redes sociais:

FACEBOOK: www.facebook.com/cbtenisdemesa

TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm

INSTAGRAM: @cbtenisdemesa