Calderano vence mais uma e está a um triunfo de igualar a campanha de 2018 no Aberto da Hungria

18/01/2019 16:34

Mesa-tenista brasileiro joga com intensidade e garante vitória com certa tranquilidade. Chinês será o adversário nas quartas de final

FOTO: Calderano está entre oito melhores na Hungria. Crédito: ITTF.

 

Budapeste (HUN), 18 de janeiro de 2019.

Por: Assessoria de Comunicação – CBTM

Hugo Calderano segue em grande fase no Circuito Mundial de Tênis de Mesa. Nesta sexta-feira (18), em Budapeste, ele derrotou o sueco Kristian Karlsson, por 4 a 1 (11/4, 11/8, 8/11, 11/3 e 12/10), em jogo válido pelas oitavas de final do Aberto da Hungria. Nas quartas de final, neste sábado, às 14h50 (horário de Brasília), ele enfrenta o chinês Wang Chuqin, número 83 do ranking mundial, que bateu o francês Simon Gauzy. 

Se vencer, Calderano garante medalha e iguala a sua campanha de 2018 no mesmo Aberto da Hungria. Este resultado é fundamental para os planos do brasileiro, que busca subir no ranking mundial, onde é sexto colocado, a apenas 110 pontos do alemão Timo Boll. Se for semifinalista, ele não perderá pontos na atualização do início de fevereiro. Se for finalista ou campeão, terá acréscimo na pontuação.

Assim como aconteceu na véspera, no confronto da fase de 32, Calderano começou arrasador. Abriu 4 a 0 e seguiu sem dar a mínima chance ao adversário. Fechou em fáceis 11 a 4. Na segunda parcial, apesar de abrir 3 a 0 no início, Calderano encontrou muito mais dificuldades. Mesmo assim, fechou em 11 a 8.

No terceiro set, o sueco se encontrou na partida e aumentou o grau de dificuldade para Calderano. Fez 3 a 0, sofreu a virada e pediu tempo. Voltou a dominar o jogo, chegou a estar com 8 a 5 no placar e novamente o brasileiro foi buscar o empate, mas Karlsson marcou três pontos consecutivos, vencendo por 11 a 8.

No quarto set, Calderano foi dono absoluto da mesa. Dominou do início ao final, fechando em 11 a 3. O resultado fez com que o sueco reagisse e arriscasse tudo no quinto set. Chegou a abrir 5 a 2, mas o brasileiro voltou a dominar as ações e foi buscar o resultado, garantindo a vitória na partida e a classificação para a próxima fase.

 

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) - Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal - Ministério do Esporte.
 

FATO&AÇÃO COMUNICAÇÃO

Assessoria de Comunicação da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa - CBTM

Claudia Mendes – claudia@fatoeacao.com

Nelson Ayres – nelson@fatoeacao.com

imprensa@cbtm.org.br

fatoeacaocomunicacao@gmail.com

                                                         

Siga a CBTM nas redes sociais:
 
FACEBOOK:
 www.facebook.com/cbtenisdemesa

TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm

INSTAGRAM: @cbtenisdemesa