COB abre 1.135 vagas em cursos para gestores, treinadores e atletas em 2019

26/04/2019 11:50

Instituto Olímpico Brasileiro vai oferecer 405 oportunidades já no primeiro trimestre do ano

Crédito da Foto: Heitor Vilela/COB

 

Rio de Janeiro (RJ), 26 de abril de 2019.

Com informações do Comitê Olímpico do Brasil

O Comitê Olímpico do Brasil (COB) abriu nesta quinta-feira (25) inscrições para os cursos oferecidos pelo Instituto Olímpico Brasileiro (IOB) neste primeiro semestre de 2019. Gestores, treinadores e atletas vão concorrer a 405 vagas, das 1.135 que serão oferecidas este ano, para os cursos: Fundamentos da Administração Esportiva (FAE), Avançado de Gestão Esportiva (CAGE), Básico de Gestão para Treinadores (CBGT), Núcleo de Atletas em Transição de Carreira e Núcleo de Atletas de Alto Rendimento. 
 
Os cursos, realizados em módulos presenciais e a distância, são totalmente gratuitos e têm chancela do Comitê Olímpico Internacional, do Comitê Olímpico do Brasil, do Conselho Federal de Educação Física (CONFEF) e das Confederações Brasileiras Olímpicas.
 
“Há 10 anos o IOB vem encarando o desafio de trabalhar com Educação no mundo atual, onde o conhecimento e as pessoas são peças fundamentais para o alcance do resultado. Incentivamos aos alunos a análise e a reflexão crítica da teoria e da realidade prática, com o intuito de facilitar a elaboração e a aplicação de soluções criativas, com um olhar mais sistêmico e multidisciplinar. Por isso temos aumentando anualmente a oferta de oportunidades de capacitação”, diz Soraya Carvalho, gerente do Instituto Olímpico Brasileiro.
 
Este ano a grande novidade fica por conta da ampliação do acesso aos cursos e novas opções no cardápio do IOB: o Curso de Iniciação Esportiva e Valores Olímpicos, disponível para treinadores e professores de Educação Física que trabalham a iniciação esportiva com crianças de 5 a 10 anos, e o Curso de Orientação sobre o Assédio, aberto para gestores, treinadores, atletas e demais profissionais das ciências do esporte. 
 
Para participar, o profissional, estudante ou atleta deve participar de um processo de seleção nacional. Cada curso tem seu pré-requisito. 
 
As inscrições para o primeiro semestre vão até 12/05. As informações detalhadas, os critérios, editais e programações podem ser encontradas aqui. Para se inscrever, o interessado deve preencher o formulário do curso. O resultado final dos aprovados pelo IOB será postado no site, pelo número de inscrição, na data prevista no edital ou informativo do curso escolhido. 


Cursos do Primeiro Semestre de 2019:

PROGRAMA DE GESTORES
 
Curso Fundamentos da Administração Esportiva (FAE)
O participante aprende sobre o Movimento Olímpico, adquire noções básicas sobre gestão esportiva, desenvolvimento e preparação esportiva e conhece como se organiza uma missão para os Jogos Olímpicos. Durante o curso ocorrem debates e avaliações, oferecidos através do sistema de educação a distância.
• Carga horária: 70 horas.
• Formato: A distância
• Vagas: 120

 

Curso Avançado de Gestão Esportiva (CAGE) 
Promove a análise, a discussão e a produção de conhecimento, além de propor soluções concretas para as diferentes organizações dirigentes dos esportes olímpicos no país. Gestão Estratégica, Gestão de Recursos Humanos, Gestão Financeira, Gestão de Marketing e Organização de Grandes Eventos Esportivos estão entre as disciplinas ministradas, divididas entre presenciais e a distância.
• Carga horária: 360 horas.
• Nível: avançado.
• Formato: Presencial e a Distância
• Vagas: 40

ACADEMIA BRASILEIRA DE TREINADORES
  
Curso Básico de Gestão para Treinadores (CBGT)
Além de assumir o sistema de treinamento dos atletas, o treinador também deve estar preparado para coordenar equipes multidisciplinares e lidar com os seus principais stakeholders (Federações, Clubes, Patrocinadores, Atletas, entre outros). Para tanto, este Curso tem o objetivo de desenvolver habilidades e competências, no que se refere ao planejamento, gestão de pessoas, gestão financeira, além de habilidades, tais como: negociação, gestão de conflitos, entre outras. Apresentado no formato totalmente a distância (EAD), o conteúdo se destaca em videoaulas interativas, além de conteúdo escrito.
• Carga horária: 120 horas
• Modalidades atendidas por Edição: todas
• Formato: A Distância
• Vagas: 200
 

PROGRAMA DE CARREIRA DO ATLETA
  
Núcleo de Atletas em Transição de Carreira 
O núcleo de transição proporciona promoção educacional e suporte na transição de carreira, com oportunidades de estágios, programas de trainee e vivências profissionais, bolsas de estudos em diferentes áreas, e processos de coaching focados no desenvolvimento global do atleta, de modo a potencializar suas oportunidades no mundo profissional.
• Duração: 60 horas (pode variar conforme o plano de carreira de cada atleta).
• Formato: Presencial e a Distância
• Vagas: 25
 
Núcleo de Atletas de Alto Rendimento
Visando oferecer oportunidades de educação aos atletas, o Processo de Seleção PCA Alto Rendimento é organizado para oferecer oportunidades de bolsas de estudo para cursos de graduação e pós-graduação na Universidade Estácio de Sá. 
• Duração: de 02 a 06 anos*
• Formato: Presencial e/ou a Distância*
• Vagas: 20

*a carga horária pode variar conforme o curso escolhido.

Por dentro do IOB
O Instituto Olímpico Brasileiro (IOB) é o Departamento de Educação do COB. Há 10 anos tem a missão de gerar e difundir conhecimento, promovendo programas de capacitação e desenvolvimento para a formação profissional de alta qualidade para o Visando contribuir com o desenvolvimento e o crescimento do esporte nacional, o IOB capacita e forma diferentes profissionais, por meio de três principais programas: Programa de Gestores, Programa de Carreira do Atleta e Academia Brasileira de Treinadores; todos alinhados com a meta de tornar e manter o Brasil uma potência

IOB em números
- 79% das medalhas conquistas pelo Brasil nos Jogos Olímpicos Rio 2016 vieram das Confederações Brasileiras que mais receberam capacitação do IOB;
- Formou mais de 2.300 gestores, 700 treinadores e 200 atletas em transição de carreira;
- Desenvolveu mais de 10 mil horas de capacitação.

Corpo Docente
57% Pós-doutor/doutor
28% Internacional
10% Especialista
5% Mestre
61 treinadores internacionais com 72
medalhas olímpicas.

Formato e Estrutura
-Cursos de nível básico a avançados, com carga horária: de 40h a 852h;
-Todos os profissionais capacitados pelo IOB são beneficiados c om bolsas de estudo de 100%, conquistadas por meio de processo seletivo público.
- Parceria de uma rede de Centros de Treinamento nacionais e internacionais, com o Laboratório Olímpico e Biblioteca especializada.

 

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) - Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal - Ministério do Esporte.
                                                         

Siga a CBTM nas redes sociais:
 
FACEBOOK:
 www.facebook.com/cbtenisdemesa

TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm

INSTAGRAM: @cbtenisdemesa