Com o apoio da família, Luiz Filipe Manara conquista a vaga no Parapan de Lima

10/12/2018 19:48

Pai e mãe acompanham o filho durante a Seletiva realizada no CT Paralímpico, em São Paulo. Atleta conquista a vaga na classe 8

 

São Paulo (SP), 10 de dezembro de 2018.

NELSON AYRES

O apoio da família é considerado fundamental pela maioria dos atletas. Um deles, em especial, sentiu este apoio de perto na Seletiva do Parapan de Lima, realizada nesta segunda-feira (10), no Centro Paralímpico Brasileiro, em São Paulo. Luiz Filipe Manara, da classe 8, conquistou a vaga na competição internacional ao lado do pai e da mãe.

O pai, Luiz Carlos Manara, e a mãe, Eliana Ester Manara, mostravam o orgulho estampado nos rostos. A cada ponto do filho, a vibração aumentava. No momento da conquista da vaga, Manara correu para abraçar os dois. Ele venceu Gustavo Laskosky, por 3 a 0 (11/4, 11/3 e 11/6).

“A gente sempre acompanha. Fomos ao último Parapan, em Toronto, e vamos novamente em 2019. É o reconhecimento de um trabalho bem feito. Ele se dedica muito, merece esse apoio”, diz o pai.

Luiz Filipe começou no tênis de mesa após sofrer duas cirurgias. Sua fisioterapeuta indicou a modalidade como forma de terapia para recuperação. O menino não largou mais o esporte. Em Mogi-Mirim, já como atleta paralímpico, foi vice-campeão na primeira competição que disputou.

De lá até a Copa Tango, na semana passada, um longo tempo se passou. Manara conquistou a medalha de ouro no torneio, disputado na Argentina. E acredita que a competição serviu demais para sua boa performance na Seletiva.

“Chegou um momento em que a Copa Tango era até mais importante do que a Seletiva. Pois, se eu conseguisse jogar bem lá, contra atletas de alto nível, teria a tranquilidade necessária para conquistar a vaga aqui. Isso me daria uma moral muito grande. Agora, tenho que me preparar para o Parapan. É uma competição totalmente diferente de tudo. Tenho que estar bem psicologicamente, mas também tecnicamente”, explica Manara.

 

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) - Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal - Ministério do Esporte.
 

FATO&AÇÃO COMUNICAÇÃO

Assessoria de Comunicação da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa - CBTM

Claudia Mendes – claudia@fatoeacao.com

Nelson Ayres – nelson@fatoeacao.com

imprensa@cbtm.org.br

fatoeacaocomunicacao@gmail.com

                                                         

Siga a CBTM nas redes sociais:
 
FACEBOOK:
 www.facebook.com/cbtenisdemesa

TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm

INSTAGRAM: @cbtenisdemesa