Em cerimônia da Copa Brasil, presidente da CBTM revela a meta de fazer o maior Brasileiro de todos os tempos em São Paulo

24/05/2019 22:55

Objetivo é bater o recorde de participantes e realizar uma semana dedicada ao tênis de mesa na competição de dezembro

Crédito da Foto: Christian Martinez/RGB Studios.

 

Brasília (DF), 24 de maio de 2019.

CLAUDIA MENDES

A Copa Brasil Centro-Norte-Nordeste teve sua cerimônia oficial de abertura na tarde desta sexta-feira (24). A mesa de honra do evento foi composta pelo presidente da CBTM, Alaor Azevedo; pelo vice-presidente Vilmar Schindler; pelos presidentes das Federações do Mato Grosso, Sandro Abrão, e do Rio de Janeiro, Rosiane Viana; pelo vice-presidente da Federação de Goiás, Herlei Silva; pelo diretor do Iate Clube de Brasília, Jaime Bicalho; e por Rudi Finger, comodoro do Iate Clube de Brasília.

Na solenidade, Alaor Azevedo revelou um sonho ousado: realizar o maior Campeonato Brasileiro de todos os tempos, em dezembro, no CT Paralímpico Brasileiro, em São Paulo. O recorde de participantes é de 1.200 atletas, em Bento Gonçalves, na temporada 2013.

“Tivemos alguns problemas em 2018 e pretendemos melhorar muito os nossos eventos. Em dezembro, pretendemos bater todos os recordes do tênis de mesa brasileiro e sul-americano, com 1.500 atletas participando do Campeonato Brasileiro. Queremos fazer não só uma competição, mas também seminários, cursos e outras atividades durante uma semana”, explica o dirigente.

Alaor Azevedo saudou a nova presidente da Federação do Rio, Rosiane Viana, e lembrou o bom trabalho realizado por seu antecessor, o atual secretário geral da CBTM, Pablo Ribeiro. E também comemorou o bom momento vivido pelos principais atletas e paratletas brasileiros nos eventos internacionais.

“Estamos próximos de ter o primeiro brasileiro campeão da maior liga da Europa, o Hugo Calderano, na Alemanha. Fomos muito bem-sucedidos no Mundial, com o Calderano fazendo um grande jogo contra, talvez, o maior jogador de todos os tempos. Nossas equipes Sub-11 e Sub-13 estão no Equador, fomos muito bem no Aberto da Eslovênia, o time paralímpico vai de vento em popa. O tênis de mesa não para”, garante.

 

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) - Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal - Ministério do Esporte.
                                                         

FATO&AÇÃO COMUNICAÇÃO

Assessoria de Comunicação da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa - CBTM

Claudia Mendes – claudia@fatoeacao.com

Nelson Ayres – nelson@fatoeacao.com

Lucas Mathias (estagiário)

imprensa@cbtm.org.br

fatoeacaocomunicacao@gmail.com

 

Siga a CBTM nas redes sociais:
 
FACEBOOK:
 www.facebook.com/cbtenisdemesa

TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm

INSTAGRAM: @cbtenisdemesa