Federação é criada para acelerar o desenvolvimento da modalidade no Piauí

22/02/2013 12:06

Uma das missões da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa é ajudar no fortalecimento das Federações. Por isso, a preseça de Jadelson Ribeiro dos Santos, do Piauí, na Assembleia Geral e no Circuito de Palestra é motivo de comemoração, uma espécie de sensação do dever cumprido.

Jadilson sempre praticou o esporte com os amigos, mas apenas por diversão, porque em seu estado não havia uma entidade com clubes filiados, o que impede a inscrição de atletas nos eventos promovidos pela CBTM. Para mudar essa situação, decidiu se organizar e depois de oito meses conseguiu fundar a Federação do Piauí.

--- Foram meses de luta e muito trabalho para organizar toda documentação. Pelo que consta, nunca na história da modalidade um atleta piauiense participou de uma competição nacional. Agora podemos participar dos eventos da CBTM e organizar as nossas --- vibrou Jadelson, que é o Presidente da Federação.

--- Estamos saindo do zero, pois antes não existia Tênis de Mesa no Piauí. O número de atletas ainda é pequeno, pois não havia locais para treinamentos, mas com certeza a partir de agora essa situação vai mudar. Quero agradecer a ajuda da CBTM, que não mediu esforços para a realização desse sonho --- afirmou.

As inscrições para a primeira etapa do Circuito Copa Brasil, que acontecerá em março, no Distrito Federal, já teminaram e nenhum atleta do Piauí se inscreveu. No entanto, graças ao apoio da prefeitura, Jadelson garante que essa situação também mudará a partir da Copa Brasil Santos, em abril.

--- O Prefeito de Teresina, Firmino Filho, já jogou Tênis de Mesa e se mostra um grande incentivador da modalida, juntamente com o Secretário de Esportes, Gauber Coelho. Já estamos colhendo os frutos e a partir da próxima competição o Piauí será representado com pelo menos dois atletas --- garantiu.