Hugo Calderano torna-se o primeiro brasileiro a conquistar o título alemão de tênis de mesa

25/05/2019 13:23

Ochsenhausen venceu o Saarbrücken, em Frankfurt, na decisão da Bundesliga; Calderano bateu atleta de Taiwan no segundo jogo.

Crédito da Foto: Divulgação/Ochsenhausen.

 

Frankfurt (GER), 25 de maio de 2019.

Por: Assessoria de Comunicação - CBTM

Hugo Calderano é o primeiro brasileiro a ser campeão alemão de tênis de mesa. Neste sábado (25), em Frankfurt, na final da Bundesliga, o Ochsenhausen, clube onde atua, quebrou um jejum de 15 anos sem títulos ao vencer o Saarbrücken, por 3 a 0. No início do ano, o carioca, número 8 do ranking mundial, já havia conquistado o título da Copa da Alemanha.

O longo jejum de títulos alemães já incomodava o clube, em uma cidade com pouco mais de 9 mil habitantes, a grande maioria de apaixonados pelo tênis de mesa. Tanto que, nesta temporada, o Oschenhausen abriu mão da disputa da Champions League. Calderano foi o líder do grupo nas duas conquistas da temporada. Ao todo, venceu 16 jogos na Bundesliga 2018/2019, sendo um em duplas.

O Ochsenhausen venceu o primeiro jogo, com o francês Simon Gauzy. Ele bateu o alemão Patrick Franziska, em confronto muito equilibrado, por 3 a 2 (10/12, 11/8, 11/8, 9/11 e 11/8), abrindo vantagem na luta pelo título.

Hugo Calderano fez o segundo confronto da decisão, contra o taiwanês Liao Cheng-Ting. A partida foi de oscilações. Depois de vencer o primeiro set rapidamente e com facilidade, Calderano viu o adversário crescer no segundo e acirrar a disputa, fechando em 15 a 13. O terceiro set foi do mesa-tenista de Taiwan, que voltou mais ligado e conseguiu virar a partida para 2 a 1. A partir do quarto, porém, foi a vez do brasileiro reagir: ganhou por 11/8 e 11/7, fechando o confronto em 3 a 2 (11/3, 13/15, 6/11, 11/8 e 11/7).

O austríaco Stefan Fegerl tinha a possibilidade de garantir o título para o Ochsenhausen. A exemplo dos confrontos anteriores, encontrou um duríssimo adversário, o esloveno Darko Jorgic. Chegou a estar perdendo por 2 sets a 0, sendo que o primeiro foi por 11 a 1. Mas, em uma reação incrível, conseguiu a virada e garantiu o título da temporada com a vitória por 3 a 2 (1/11, 11/13, 11/9, 13/11 e 11/8).

 

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) - Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal - Ministério do Esporte.
 

FATO&AÇÃO COMUNICAÇÃO

Assessoria de Comunicação da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa - CBTM

Claudia Mendes – claudia@fatoeacao.com

Nelson Ayres – nelson@fatoeacao.com

Lucas Mathias (estagiário)

imprensa@cbtm.org.br

fatoeacaocomunicacao@gmail.com

                                                         

Siga a CBTM nas redes sociais:
 
FACEBOOK:
 www.facebook.com/cbtenisdemesa

TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm

INSTAGRAM: @cbtenisdemesa