Hugo conquista o ouro em sua última participação no Circuito Mundial Juvenil

23/09/2012 16:36

A história se repetiu e Hugo Calderano conquistou nesse domingo o título do Torneio Individual Juvenil do Aberto de Jovens, mais uma etapa do Circuito Mundial promovida pela Federação Internacional de Tênis de Mesa no Centro de Educação Física Almirante Adalberto Nunes, o Cefan da Marinha, no Rio de Janeiro.

Em uma decisão muito equilibrada, Hugo superou Eric Jouti, com quem conquistou os títulos no Torneio de Equipes e Duplas, por 4 a 2, com parciais de 8-11, 11-6, 9-11, 12-10, 15-13, 11-9.  Hugo foi campeão na Argentina, Polônia e no México superando justamente Eric, que por sua vez conquistou o ouro na Eslováquia.

--- Foi uma partida muito equilibrada e decidida nos detalhes. No início tive muitas dificuldades para receber o saque e finalizar as jogadas, mas consegui variar e reverter a situação --- explicou o atleta, que já deixou de ser promessa e a cada evento vem mostrando que tem condições de chegar longe no esporte.

O Circuito Mundial Infantil e Juvenil tem um total de 33 etapas e os melhores de cada temporada se classificam para um evento final. Em 2012 já aconteceram 23 e Hugo Calderano aparece como primeiro colocado do Ranking, seguido por Eric Jouti. Com os resultados do Brasil, a situação se mantém inalterada.

A final do Circuito Mundial reunirá 16 atletas, sendo que há um limite de dois por país. Os dez primeiros do Ranking garantem a vaga e as outras seis serão divididas entre o país anfitrião e um de cada continente. Hugo teria grandes chances de participar dessa final, mas a partir de agora só disputará eventos na categoria adulto.

--- Por decisão da comissão técnica da Seleção, essa foi a última etapa do Circuito Mundial Juvenil que participo. A partir de agora vou disputar apenas do Pro-Tour da ITTF. Isso com certeza vai ajudar no meu crescimento e desenvolvimento --- acredita o atleta.

O Aberto de Jovens 2012 foi promovido pela Federação Internacional de Tênis de Mesa, com o suporte da CBTM, patrocínio de State Grid Brasil Holding S.A, CCR, Lei de Incentivo Fiscal e Ministério do Esporte, além do apoio de Butterfly e Tibhar.