Jessica Yamada deve se transferir para clube europeu ainda esse ano

02/05/2012 16:14

A atual campeã Latino-Americana de Tênis de Mesa, Jessica Yamada, é o destaque da revista TTPlayer de abril. A atleta, que recentemente passou a ocupar o posto de nº 2 do país, segundo o Ranking Mundial divulgado pela ITTF, participou do Aberto do Chile entre os dias 25 e 29 de abril e continua na luta por uma vaga nas Olimpíadas de Londres.

Jessica ficou muito satisfeita com os resultados obtidos. Na chave principal do Torneio Individual, a brasileira enfrentou de igual para igual a Campeã Mundial de equipes em 2010, a chinesa que se naturalizou para defender Cingapura, Lia Jia Wei, atual 14ª colocada no Ranking Mundial, que acabou em segundo lugar no Chile.

Nesse jogo, Jessica venceu o primeiro set por 11 a 8, levou o troco no segundo por 11 a 7, mas voltou a vencer o terceiro por 11 a 8 e abriu vantagem de 2 a 1. A adversária empatou novamente fazendo 11 a 6. Jessica teve a chance de fechar o quinto set, estava com 9 a 7 e depois com 10 a 9, mas acabou perdendo no momento decisivo por 14 a 12.

No sexto set, Jessica começou melhor e abriu 8 a 5, depois fez 10 a 8 e tudo levava a crer que levaria o jogo para a decisão no último set, mas a chinesa Lia Jia Wei mostrou que não está no topo do mundo por acaso e conseguiu reverter a situação, fechando o set em 12 a 10 e a partida em 4 a 2.

Para o Coordenador Técnico de Seleções Brasileiras, Lincon Yasuda, e o técnico francês Jean-René Mounie, o que falta para as atletas evoluírem são competições mais equilibradas, onde é possível enfrentar jogadoras de alto nível, como aconteceu no Chile e é comum em eventos disputados na Europa e Ásia.

Pensando nisso, Jessica Yamada já admite a possibilidade de estudar melhor algumas propostas que recebeu para defender clubes de Portugal e da Franca em busca do sonho de participar de uma Olimpíada. Ainda resta uma vaga para formar a equipes, que já conta com Lígia Silva e Caroline Kumahara.

--- Trabalhei anos em busca desse objetivo, abdicando da universidade e focando 100% na modalidade. Cumpriu todo o Ciclo Olímpico, disputei os Jogos Sulamericanos (Medellin 2010), Jogos Panamericanos (Guadalajara 2011), participei de todos os Latino-Americanos e Mundiais. Isso aumenta meu otimismo --- afirma.