Lá Fora: Ovtcharov bate Shibaev e leva quarto título da Copa Top 16 ITTF-Europa

06/02/2017 10:35

No feminino, Li Jie, da Holanda, foi quem ficou no lugar mais alto do pódio

Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) - 06/02/2017

Fotos: Rémy Gros / ITTF

O alemão Dimitrij Ovtcharov, atual quinto melhor jogador do mundo, foi o campeão da Copa Top 16 ITTF-Europa, que aconteceu no último fim de semana, na França. Na final, ele bateu o russo Alexander Shibaev, 14ª do ranking mundial, por 4 sets a 2 (11/8; 12/14; 11/5; 11/13; 11/8 e 11/8).
 
Ao celebrar o título, Ovtcharov salientou o esforço que teve para chegar ao lugar mais alto do pódio, mas demonstrou não estar totalmente satisfeito com a atuação que teve na decisão.
 
"Estou feliz em ganhar o Top 16 da Europa, que, para mim, foi o primeiro torneio em 2017. Isso dá uma boa confiança para o próximo mês e em direção ao Campeonato Mundial, em Düsseldorf (ALE). Além disso, foi também um dos meus melhores desempenhos nos últimos meses. Em janeiro, eu treinei em casa por várias semanas consecutivas. Na final, eu poderia ter jogado melhor no segundo, quarto e sexto sets, então, não estou totalmente satisfeito com o desempenho. Mas, no geral, estou contente", disse.
 
Este foi o quarto título de Ovtcharov na competição - ele já havia conquistado em 2012, 2015, 2016 -, tornando-se o terceiro maior vencedor de todos os tempos. Com o troféu deste ano, ele igualou Vladimir Samsonov, da Bielorrússia, que venceu em 1998, 1999, 2001 e 2007, e está uma conquista atrás do compatriota Timo Boll, que tem cinco vitórias (2002, 2003, 2006, 2009 e 2010).
 
Porém, para se tornar o jogador com maior número de títulos, o caminho ainda é um pouco mais longo, uma vez que o sueco Jan-Ove Waldner, uma das lendas do tênis de mesa mundial, ganhou sete edições do torneio, em 1984, 1986, 1988, 1989, 1993, 1995 e 1996.


O francês Simon Gauzy ficou com com o bronze ao derrotar o ucraniano Lei Kou por 4 sets a 3 (11/6; 8/11; 11/8; 11/5; 2/11; 7/11 e 11/9).
 
No feminino, Li Jie, chinesa naturalizada holandesa, foi quem levou a melhor. Na decisão, ela bateu a alemã Petrissa Solja, que teve de se retirar do jogo após o quarto set por conta de uma lesão no braço (11/7; 7/11; 11/3; 11/6 e 11/0). Desta forma, Li Jie se tornou a quarta representante a chegar ao topo do pódio na competição. 
 
"Estou muito feliz, mas também sinto muito por Solja. Foi a minha terceira vez em uma final e, finalmente, eu ganhei, então, estou muito feliz. Para minha carreira e meu futuro, o título é importante, até para a autoconfiança. Agora, não penso muito sobre futuros torneios. Eu quero, primeiro, desfrutar deste título e depois vou me concentrar em torneios futuros", afirmou.
 
A alemã Sabine Winter ficou com a terceira colocação, completando o pódio feminino. Na disputa pela terceira colocação, ela bateu a austríaca Jia Liu por 4 sets a 0 (11/6; 11/3; 11/9 e 16/14).

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) – Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal – Ministério do Esporte.

Siga a CBTM nas redes sociais:

FACEBOOK: www.facebook.com/cbtenisdemesa
TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm
INSTAGRAM: @cbtenisdemesa

iDigo | Assessoria de comunicação CBTM
imprensa@cbtm.org.br