PELOS ESTADOS – Projeto Pantera Negra é mais uma ação social do tênis de mesa na capital maranhense

16/10/2019 12:09

Técnico que conseguiu mudança de vida através do esporte é o responsável por comandar o projeto em comunidade carente

 

São Luís (MA), 16 de outubro de 2019.

Com informações da FMATM

O esporte como ferramenta de inclusão social e janela de oportunidades. Em mais uma ação no sentido de incluir o tênis de mesa na vida das pessoas mais carentes, dando a chance de crescerem através do esporte, a Federação Maranhense de Tênis de Mesa (FMATM) inaugurou nesta semana o projeto social Pantera Negra, na comunidade carente Vila 7 de Setembro, em São Luís.

O projeto tem o comando do técnico e atleta nascido, criado e ainda morador da Vila, Luís Magno Ferreira, que teve no tênis de mesa uma oportunidade de mudar de vida ao longo desses 15 anos praticando o esporte.

A iniciativa contou também com a parceria de atletas de vários clubes filiados à Federação, como AABB, Independente, APCEF e Pendragon, além da própria Associação dos Moradores da Vila 7 de setembro, que cedeu o espaço para implantação do projeto.

A Federação Maranhense doou uma mesa oficial, disponibilizou mais duas mesas, cedeu luminárias, redes, bolinhas e raquetes para início do projeto de detecção de talentos dentro da Vila. Além da ajuda com os materiais, a FMATM disponibilizou consultoria de marketing, consultoria para formalização da personalidade jurídica do projeto e garantiu uma vaga para o técnico no Curso Técnico ITTF Nível 1, que será realizado em Teresina (PI) no final de novembro.

“O sonho do Luís sempre foi contribuir para que seus amigos e crianças da comunidade tivessem a possibilidade de mudar o curso de suas vidas através do esporte. Sensível a este sentimento, a Federação decidiu ajudá-lo a colocar em prática o seu sonho, explica George Cabral, presidente da FMATM.

 

Siga a CBTM nas redes sociais:

FACEBOOK: www.facebook.com/cbtenisdemesa

TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm

INSTAGRAM: @cbtenisdemesa