Presidente Alaor Azevedo acompanha etapa do Estadual do Rio na Arena Carioca 2

12/11/2018 18:01

Dirigente destaca a atuação da Federação na promoção do esporte. Ao todo, foram organizados 22 eventos na temporada 2018

FOTO: Presidente da CBTM, ao lado de Eduardo de Oliveira (ouro), Bruno Vital (prata), João Sampaio e Danilo Rolim (bronze).

 

Rio de Janeiro (RJ), 12 de novembro de 2018.

Por: Assessoria de Comunicação – CBTM

O presidente da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa, Alaor Azevedo, esteve presente na Arena Carioca 2 na tarde de domingo (11). Ele acompanhou a etapa do Estadual do Rio de Janeiro ao lado do presidente da Federação local e secretário geral da CBTM, Pablo Ribeiro, e do líder de projetos especiais da CBTM, Omar Gomes Barbosa.

O dirigente destacou o trabalho desenvolvido pela Federação do Rio, que organizou 22 eventos neste ano. Ele acompanhou a final do rating A, entre Bruno Vital (ADM-Petrópolis) e Eduardo de Oliveira (Madureira), vencida pelo atleta do Tricolor Suburbano. Oliveira conquistou também o troféu de melhor do ano na categoria.

“Não estive em muitos eventos no Rio de Janeiro, mas sempre acompanhava os resultados pelo Pablo e o Omar. Gostei muito do que vi. Quem sabe, em 2019, a CBTM, junto com a Federação, possam organizar o Brasileiro nas fantásticas e bem cuidadas arenas olímpicas, que estão realmente muito bem conservadas”, lembrou o dirigente, que também fez questão de destacar o trabalho de Luiz Mauro Souza d’Almeida (diretor do Fluminense F.C.), Arnaldo Tomio Vezo (diretor do Madureira E.C.) e Cesar Vilaça (diretor da ADM-Petropolis).

Ao todo, 12 clubes participaram do evento na Arena Carioca 2: Madureira, Fluminense, Belfort Roxo, AMERJ, ACTM, Macaé, Cabo Frio, Grêmio Rocha Miranda, ADEZO, ADM-Petrópolis, Associação Serrana e Clube Municipal do Rio. Foram 150 inscritos no sábado e 131 no domingo, totalizando 281 participações.

No rating A feminino, a grande vencedora foi Wanessa Wu (Madureira), que bateu a colega de clube, Carolina Mirás. A exemplo de Eduardo de Oliveira no masculino, Wanessa recebeu o troféu de melhor do ano na categoria.

Além das disputas, Jaqueline Santos recebeu ontem o certificado de árbitra internacional. O Rio de Janeiro tem ainda mais três árbitros internacionais: Flávia Vilanova,  Ediomar Bonfim e Antônio Fernando Orlando.

 

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) - Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal - Ministério do Esporte.
 

FATO&AÇÃO COMUNICAÇÃO

Assessoria de Comunicação da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa - CBTM

Claudia Mendes – claudia@fatoeacao.com

Nelson Ayres – nelson@fatoeacao.com

imprensa@cbtm.org.br

fatoeacaocomunicacao@gmail.com

                                                         

Siga a CBTM nas redes sociais:
 
FACEBOOK:
 www.facebook.com/cbtenisdemesa

TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm

INSTAGRAM: @cbtenisdemesa