Principais mesa-tenistas que atuam no Brasil estarão reunidos em São Paulo a partir desta quinta-feira

27/03/2019 16:58

Copa Brasil Sul-Sudeste é a primeira competição nacional da temporada e promete disputas intensas no CT Paralímpico, na capital paulista

FOTO: Bruna Alexandre foi campeã do Abnsoluto A na primeira Copa Brasil Sul-Sudeste de 2018. Crédito: Roberto Castro/rededoesporte.gov.br

 

São Paulo (SP), 27 de março de 2019.

Por: Assessoria de Comunicação – CBTM

Chegou a hora de reunir o que há de melhor entre os jogadores que atuam no Brasil. A primeira competição nacional da temporada é a Copa Brasil Sul-Sudeste, que começa nesta quinta-feira (28) e vai até domingo, no CT Paralímpico Brasileiro, em São Paulo (SP). O início das disputas está marcado para 8h, em todos os dias.

Uma competição cheia de novidades. A começar pelo local, o CT Paralímpico, que proporcionou uma estrutura de nível internacional para todos os atletas. Com mais de 620 inscrições confirmadas, o torneio terá transmissão ao vivo da TV NSports, na sexta-feira (14h às 18h), sábado (mesmo horário) e domingo (8h às 12h), através do site: http://tvnsports.com.br/.

Em 2018, uma das vencedoras de Copa Brasil Sul-Sudeste no Absoluto A foi Bruna Alexandre. Atleta paralímpica da classe 10, ela venceu entre os olímpicos, provando o quanto é poderosa, mesmo sem um dos braços. Desta vez, jogando em casa (afinal treina quase sempre no local), promete fazer bonito.

“Estou feliz de poder jogar na nossa casa e mostrar que somos todos iguais. Acho que tudo é possível, inclusive buscar um novo título. Temos grandes jogadoras presentes, mas é acreditar no trabalho e manter o foco para impor o jogo”, diz a atleta.

Bruna Alexandre está se preparando intensamente para o seu principal objetivo: ser campeã paralímpica em Tóquio 2020. Ela não estará presente ao Parapan de Lima e está se submetendo a um intenso treinamento, que vem apresentando bons frutos nos primeiros meses.

“Eu estou me preparando a cada dia melhor, principalmente na parte física. Perdi oito quilos e me sinto bem por estar lutando por caminhos novos. Minha rotina e o trabalho diariamente em São Caetano e no CT Paralímpico está sensacional. O Paco (Francisco Arado, técnico) e o Raphael (Moreira, técnico) fazem muita diferença na minha preparação. Estou bem e feliz por essa nova fase”, avisa.

O torneio terá competições do pré-mirim ao veterano 70 entre os olímpicos, além das 11 classes paralímpicas. No primeiro dia, acontece também a disputa do rating, que mistura atletas de várias classes e idades, além do início dos rankings de super pré-mirim e juventude.

 

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) - Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal - Ministério do Esporte.
 

FATO&AÇÃO COMUNICAÇÃO

Assessoria de Comunicação da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa - CBTM

Claudia Mendes – claudia@fatoeacao.com

Nelson Ayres – nelson@fatoeacao.com

imprensa@cbtm.org.br

fatoeacaocomunicacao@gmail.com

                                                         

Siga a CBTM nas redes sociais:
 
FACEBOOK:
 www.facebook.com/cbtenisdemesa

TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm

INSTAGRAM: @cbtenisdemesa