Show de estrelas vai fechar a disputa masculina do Brasileiro neste domingo

01/12/2018 20:19

Cinco atletas da Seleção e três desafiantes se classificam para as oitavas de final, que promete ser inesquecível para os fãs do tênis de mesa

FOTO: Eric Jouti enfrentará Thiago Monteiro nas quartas. Crédito: Christian Martinez/RGB Studios.

QUERO MAIS! Entre no nosso Flickr e confira todas as fotos do Brasileiro.

 

Concórdia (SC), 1º de dezembro de 2018.

CLAUDIA MENDES E LUCAS MATHIAS *

O último dia de disputas do 52º Campeonato Brasileiro de Tênis de Mesa, neste domingo (2), no Centro de Eventos de Concórdia (SC) promete ser um grande espetáculo para quem gosta da modalidade. A reta final da categoria Absoluto A Masculino reúne um show de craques, como poucas vezes se viu: um Top-10 mundial (Hugo Calderano), quatro jogadores da Seleção Brasileira (Gustavo Tsuboi, Eric Jouti, Thiago Monteiro e Vitor Ishiy) e três desafiantes ao favoritismo das estrelas internacionais (Danilo Toma, Isaac Zauli e Eric Mancini).

As quartas de final do torneio já reúnem dois clássicos. Eric Jouti enfrenta Thiago Monteiro, enquanto Hugo Calderano encara Vitor Ishiy. Não vai faltar emoção.

"O nível está muito bom. Melhorando cada vez mais. Reunir o pessoal da Seleção é bom para o público e para nós", diz Eric Jouti, que pode comemorar muito o ótimo ano de 2018: "Foi um ano muito bom. Chegamos nas quartas da Copa do Mundo e do Mundial, entre os oito melhores do mundo. Individualmente, também foi positivo. Entrei para o Top-100".

Nos jogos deste sábado, não houve facilidade para ninguém. Calderano, por exemplo, chegou a perder um set para Gustavo Yokota nas oitavas de final. Mas foi Thiago Monteiro quem tomou o maior susto. Chegou a estar perdendo por dois sets a zero para Émerson Maeda, mas conseguiu virar e garantir a vaga. Os resultados completos podem ser visualizados neste link.

Entre os classificados para as quartas de final, Gustavo Tsuboi é o atleta que mais soma títulos brasileiros, com três conquistas. Thiago Monteiro e Vitor Ishiy comemoraram duas vezes. Principal ícone da modalidade, Calderano só foi campeão uma vez, em 2014, principalmente pelo fato de ter ido jogar muito cedo na Europa. Eric Jouti e Danilo Toma também só têm um título. Mancini e Zauli jamais conquistaram o Brasileiro. O recordista é Hugo Hoyama, com sete conquistas, e o atual campeão é Humberto Manhani.

Veja os jogos do domingo, com horários de Brasília:

10h – Vitor Ishiy (Santa Maria/São Caetano/Xiom/Ateme/Cooper-SP) x Hugo Calderano (Santa Maria/São Caetano/Xiom/Ateme/Cooper-SP)

10h – Isaac Zauli (ADC Estrela/Joola/Santos F.C.-SP) x Danilo Toma (FME Concórdia-SC)

10h – Eric Mancini (Ass. Nikkei S.José dos Campos-SP) x Gustavo Tsuboi (Santa Maria/São Caetano/Xiom/Ateme/Cooper-SP)

10h – Thiago Monteiro (Ass. Itajaiense-SC) x Eric Jouti (Santa Maria/São Caetano/Xiom/Ateme/Cooper-SP)

11h – Semifinais

12 – Final

 

*Lucas Mathias, estagiário sob a supervisão da equipe da Assessoria de Comunicação

 

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) - Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal - Ministério do Esporte.
 

FATO&AÇÃO COMUNICAÇÃO

Assessoria de Comunicação da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa - CBTM

Claudia Mendes – claudia@fatoeacao.com

Nelson Ayres – nelson@fatoeacao.com

imprensa@cbtm.org.br

fatoeacaocomunicacao@gmail.com

                                                         

Siga a CBTM nas redes sociais:
 
FACEBOOK:
 www.facebook.com/cbtenisdemesa

TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm

INSTAGRAM: @cbtenisdemesa