Técnico da Seleção Brasileira acredita na evolução de Jessica Yamada

27/01/2013 11:41

Depois de conquistar a medalha de ouro no Campeonato Brasileiro na categoria adulto, Jessica Yamada anunciou sua transferência para o Pró B da Liga Francesa, onde desde dezembro do ano passado defende o Mayenne.

Conquistar o título na competição mais importante da temporada foi um sonho de infância realizado pela atleta, que começou a jogar Tênis de Mesa por influência da família quando tinha apenas oito anos de idade.

Ficar longe do carinho de todos que a amam não deve ser fácil, mas Jessica busca reconhecimento profissional e o desenvolvimento de sua técnica e sabe que, para isso, precisa fazer alguns sacrifícios.

O técnico Jean-René Mounie acredita no potencial da brasileira e foi o responsável por sua indicação para o Mayenne. O francês lembrou que Jessica ainda está em fase de adaptação e talvez por isso não tenha conseguido render tudo que poderia nos Abertos da Espanha e da Áustria.

--- Jessica teve alguns problemas e jogou em um nível que não estou acostumado a vê-la. Ela escolheu morar na Franca e acho que está passando pelo período difícil que é normal em toda mudança. Ela jogou com um pouco de stress, mas temos que entender que é tempo, paciência --- explicou o técnico.

Por causa disso, Jean-René não tem dúvidas de que a atleta tem condições de continuar evoluindo e a tendência é jogar cada vez melhor nas etapas do Circuito Mundial e na Liga Francesa a medida que for se adaptando a essa nova fase em sua vida.

--- Não podemos fazer um julgamento. Acho que para isso é preciso de no mínimo seis meses. A partir daí Jessica estará mais tranquila e poderá desenvolver melhor seu jogo. Ela criou alguns problemas sozinha --- afirmou Jean-René.

--- Jessica parece entender o caminho que deve pegar e vai evoluir em breve, com certeza --- completou o técnico.