Vitor Ishiy e Thiago Monteiro estreiam nesta sexta no Aberto da Espanha

29/03/2018 13:52

Brasileiros já estão na chave principal do evento e buscam resultado expressivo em Guadalajara
 
FOTO DE ARQUIVO: Vitor Ishiy é um dos brasileiros na disputa internacionalCrédito: Calixto N. Llanes/Periódico JIT (Cuba)
 
Rio de Janeiro (RJ), 29 de março de 2018.
Por: Assessoria de Comunicação - CBTM

O Brasil estreia nesta sexta-feira (30/3) no Aberto da Espanha, torneio nível challenge do Circuito Mundial. Vitor Ishiy e Thiago Monteiro estão na chave principal e são a esperança de um bom resultado para o tênis de mesa nacional em Guadalajara, em competição que reúne 196 jogadores (124 homens e 72 mulheres).
 
Ambos estarão diante da mesa às 7h25 (horário de Brasília) e jogarão duas vezes no dia em caso de triunfo no primeiro compromisso. Na estreia, Monteiro terá pela frente o tcheco David Reitspies, número 314 do ranking mundial. Ishiy enfrenta o iraniano Miad Lotfijanabadi, atualmente na posição 305.
 
Atualmente ocupando a posição número 156 do ranking mundial, Vitor Ishiy tem uma motivação extra na Espanha: ele está pela primeira vez classificado diretamente para a fase principal de um evento.
 
“É algo novo para mim não ter de jogar a fase de grupos. É um torneio forte e vou dar o melhor de mim para tentar fazer um bom resultado”, destacou.
 
Ishiy e Monteiro (129º do ranking mundial) vêm de ótima participação recente no Campeonato Latino-Americano, disputado em Cuba no começo de março. Os dois integraram a Seleção Brasileira campeã do evento e ficaram com o bronze na disputa individual.
 
“Tive um bom resultado no Latino-Americano e tenho de aproveitar o fato de ter ganhado ritmo de jogo e confiança por lá para jogar bem esse Aberto”, ressaltou Ishiy, que só está iniciando sua temporada europeia, já que depois jogará em seguida os Abertos da Croácia e da Eslovênia.
 
A dupla jogou um torneio do World Tour este ano, o Aberto da Hungria, disputado no fim de janeiro. Tanto Vitor como Thiago passaram da fase de grupos, mas caíram nas eliminatórias intermediárias, antes da fase final, com o top-32 do evento.
 

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) - Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal - Ministério do Esporte.

 

FATO&AÇÃO COMUNICAÇÃO

Assessoria de Comunicação da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa - CBTM

Claudia Mendes - claudia@fatoeacao.com
Marcio Menezes – marcio@fatoeacao.com
Juliana Cumplido (estagiária) - juliana@fatoeacao.com


imprensa@cbtm.org.br

fatoeacaocomunicacao@gmail.com

Siga a CBTM nas redes sociais:

 Facebook  Twitter  Instagram