Notícia

Em primeira participação internacional na Europa, Mahayla Sardá fica a um jogo de conquistar medalha no circuito mundial de jovens

Atleta catarinense fez grande campanha no sub-13 e caiu nas quartas de final do WTT Youth Contender de Berlim; no sub-15, ficou entre as 32 melhores da competição

Mahayla Sardá em ação no WTT Youth Contender. Foto: WTT.

Por Nelson Ayres (Fato&Ação) – Assessoria de Imprensa CBTM

22/05/2022 11h46


O tênis de mesa brasileiro vai revelando mais uma pequena craque. Mahayla Sardá, que completou 13 anos no início deste ano, já faz barulho na Europa. Neste domingo (22), ela encerrou sua participação no WTT Youth Contender de Berlim, na Alemanha. E em sua primeira aparição no Velho Continente, no circuito mundial de jovens, ficou a um jogo de garantir medalha no sub-13 e terminou entre as 32 melhores do sub-15.

Na trajetória, Mahayla conseguiu passar da primeira fase no grupo que tinha a presença da portuguesa Julia Vitorino Leal, nona colocada no ranking mundial sub-13 e medalhista no torneio, e da alemã Anna Walter. Nas oitavas de final, bateu a tailandesa Kulapassr Vijitviriyagul, por 3 a 2 (8/11, 11/7, 11/3, 8/11 e 11/7), mas caiu para a número 12 do mundo em sua categoria, a alemã Lisa Wang, por 3 a 1 (13/11, 2/11, 3/11 e 4/11).

No sub-15, a menina também não teve facilidade. Caiu no grupo que tinha a francesa Gaetane Bled, número 8 do ranking sub-15, e a tcheca Tereza Kovarickova, conseguindo a classificação para as fases eliminatórias e passando direto pela fase de 64. Na etapa seguinte, porém, foi eliminada pela polonesa Natalia Bogdanowicz, a sexta melhor do mundo na categoria, por 3 a 0 (9/11, 7/11 e 2/11).

O resultado se soma a um mês cheio de conquistas internacionais para a jovem catarinense. Ela faturou quatro medalhas no Campeonato Sul-Americano Sub-15 e Sub-19 – disputado em Lima, no Peru, há uma semana atrás. Neste período, foram duas medalhas de ouro (duplas e equipes femininas sub-15), uma de prata (individual sub-15) e uma de bronze (duplas mistas sub-15).

E a classificação entre as oito melhores do torneio sub-13 deve ter reflexos na posição da brasileira no ranking mundial de sua categoria. Sem participações anteriores em competições do WTT, Mahayla era apenas a 61ª colocada de sua categoria. Na terça-feira, quando será atualizada a lista, ela deve saltar muitas posições.

Mahayla já deixou a capital alemã rumo a Girona, na Espanha. Na próxima terça-feira (24), ela inicia a disputa do WTT Youth Contender Platja D’Aro, mais um torneio do circuito mundial de jovens.



FATO&AÇÃO COMUNICAÇÃO

Assessoria de Imprensa da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa (CBTM)

Atendimento: Nelson Ayres – nelson@fatoeacao.com

fatoeacaocomunicacao@gmail.com / contato@fatoeacao.com



Siga a CBTM nas redes sociais:

FACEBOOK: www.facebook.com/cbtenisdemesa

TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm

INSTAGRAM: www.instagram.com/cbtenisdemesa

YOUTUBE: www.youtube.com/user/TMdoBrasil

TIK TOK: www.tiktok.com/@cbtenisdemesa

Outras Notícias

Confederação Filiada

Parceiro Oficial

Patrocinadores

Apoiadores

Eventos
Calendário
Área de Filiados
Desenvolvimento
Universidade do Tênis de Mesa
Escolas de Treinadores
Escolas de Árbitros e Oficiais
Escola de Gestão
Certificações